Fechar
Acesso restrito


Notcias

16/06/2017 - ARTIGO - Como motivar sua equipe?




Por Mário Mateus
 
Para trabalhar a motivação, é necessário analisar vários aspectos. Em linhas gerais, você precisa conhecer cada membro de sua equipe individualmente. Afinal, é importante entender as motivações pessoais, desejos e a situação atual de cada um para compreender suas necessidades como um todo. Se você não compreende as necessidades de seu time, não há como motivá-lo.

Por onde começar?

Primeiramente, é preciso pensar nas necessidades básicas dos seus funcionários, como segurança, higiene, iluminação, treinamento e liderança adequados, além de saúde, alimentação e conforto. Essa é a etapa zero para oferecer um ambiente de apoio, onde o colaborador se sinta confortável e motivado para produzir.

Mostre os objetivos da organização

Caso sua equipe não conheça de maneira mais aprofundada os principais objetivos da organização, o trabalho não fluirá. Por isso, adote uma linguagem simples e explique o que a empresa busca e como o time deve se posicionar em relação a isso.

Indique o papel de cada um no plano estratégico da empresa

Cada membro do time precisa compreender onde se encaixa na estrutura do plano estratégico da empresa para que seu trabalho vá ao encontro dos objetivos principais. Todo colaborador precisa de motivos para se sentir engajado com seu trabalho – saber o que a corporação espera e para onde ela quer ir é fundamental nesse processo.

Defina metas claras

Se não houver metas claras, não será possível atingi-las. Para que todos possam contribuir, é preciso entender quais são as necessidades da empresa.

Estipule objetivos razoáveis

É preciso definir objetivos razoáveis tanto individualmente quanto coletivamente. Assim, todos darão o máximo para conquistá-los, pois representam metas possíveis. Defina como objetivo aquilo que é importante para a empresa, como margem de lucro, comissões e projetos concluídos.

Forneça as ferramentas e o treinamento certos

Sem as ferramentas certas, seus colaboradores não conseguirão atingir o que é esperado deles. Dessa maneira, eles não se sentirão motivados, pois faltará capacidade e confiança. Invista em treinamento, educação e ferramentas de trabalho para que eles possam seguir em frente com produtividade e motivação.

Aprecie os esforços da sua equipe

O time precisa se sentir valorizado e apoiado. É importante estar presente e mostrar apoio e interesse. Seja educado, cumprimente todos ao chegar, reserve um momento do dia para sentar com a equipe, entender como todos estão e saber quem precisa de orientação ou ajuda.

Além disso, procure celebrar as conquistas. Não precisa ser uma grande festa, mas uma comemoração proporcional ao esforço dedicado e ao retorno atingido.

Grandes projetos merecem grandes comemorações, assim como pequenos projetos podem contar com uma comemoração pequena na própria empresa. Elogios também são uma forma de celebração: faça-os em público; eles podem ser mais motivacionais do que o dinheiro em alguns casos.

Integre diferentes equipes

O senso de pertencimento é muito importante. Por isso, busque integrar não só os membros de uma mesma equipe, mas também de times diferentes.

Isso aumenta a motivação e proporciona mais alinhamento. Afinal, quanto mais equipes complementares conversarem, melhor para a empresa e para o fluxo de trabalho.

Valorize as ideias e iniciativas dos colaboradores

Existem diferentes tipos de motivação. Algumas pessoas se motivam com reconhecimento, por exemplo.

Por isso, valorize ideias e iniciativas dos colaboradores. Se eles sentem que são ouvidos com atenção, principalmente, quando estão tentando solucionar problemas da empresa, a motivação aumenta, e todos saem ganhando.

Faça o que você diz

Um líder deve liderar pelo exemplo. Por isso, mostre que você sabe mais do que dar ordens, que você sabe orientar e seguir de acordo com o que é necessário para ser valorizado pelo time e para motivar sua equipe.

Crie o hábito de dar feedback

Para ser efetivo, o feedback precisa ser assertivo. É sempre importante dar um retorno, por mais que o resultado tenha sido negativo. A sua equipe precisa saber o que está acontecendo e se o que está fazendo está dando resultado ou não. Além do feedback em grupo, é importante fornecer um feedback individual e personalizado, procurando elogiar os acertos e orientar sobre as melhorias quando o resultado não estiver de acordo com o esperado.

Mário Mateus é diretor da Matur Organização Contábil - Belo Horizonte, Montes Claros e Curvelo (MG)

Newsletter

Rua Clodomiro Amazonas, 1435
So Paulo - SP - 04537-012
e-mail: contato@gbrasilcontabilidade.com.br
Tel: (11) 3814-8436
veja o mapa